Seis dicas básicas para quem quer terceirizar empilhadeiras

Tudo se reduz a custos? Compensa operar sua logística com equipamentos de movimentação próprios? A terceirização é uma boa alternativa? Por que alugar ao invés de fazer a gestão dos equipamentos? Estas e outras questão serão respondidas neste e book projetado para auxiliar na decisão.

  • Como são os critérios atuais de seleção de fornecedores

    Muitos aspectos são avaliados na terceirização. Algumas pessoas vêem a terceirização como uma forma de retirar direitos do trabalhador. Mas o grande objetivo é de criar especialização. No caso das empilhadeiras devemos deixar a gestão para quem tem aptidão em manutenção por exemplo. No caso de transporte é buscar sinergias. A viabilidade ou não da terceirização depende de uma série de fatores. Volume de movimentação, características da carga, disponibilidade de equipamentos na região, entre outros.

  • Estabelecer um critério de Custos

    Estabelecer a viabilidade passa por um estudo de custos. Muitos são os fatores. Custo operacionais, dos equipamentos, da manutenção, combústível, pneus e daí por diante. Uma técnica muito utilizada é o Custo Total do Relacionamento, onde se estabelece um modelo de cálculo a partir da negociação cliente fornecedor. Porém, não se deve avaliar só os aspectos quantitativos, mas também os qualitativos. 

  • Estabelecer um critério de terceirização.

    No caso de terceirização de empilhadeiras, uma série de composições são possíveis. É possível terceirizar somente os equipamentos mantendo os operadores. Ou terceirização os operadores e manter as empilhadeiras. Podemos terceirizar somente a manutenção. Podemos terceirizar tudo, ou seja a movimentação como um todo. A avaliação dos critérios pode ser longa e trazer grandes resultados.

  • Tendências dos processos de terceirização geral e especificamente das empilhadeiras.

    Ainda se fala muito em manter o foco, ou o core business. Existem empresas que terceirizam a logística e todo o processo de produção com excelentes resultados. Algumas empresas terceirizaram e se arrependeram. O retorno da auto gestão acarreta em auto custos. O estudo deve ser muito criterioso e planejado, para não haver arrependimentos

Clique abaixo para receber seu material